Você esta aqui > Página Inicial > Eventos

MARTINE GRAEL SERÁ A PRIMEIRA MULHER BRASILEIRA A DISPUTAR A VOLVO OCEAN RACE

Campeã olímpica foi anunciada nesta terça-feira, pelo Team AkzoNobel. Parceria na 49erFX com Kahena Kunze será mantida mesmo durante a Regata de Volta ao Mundo

01/08/2017 | Confederação Brasileira de Vela.

Martine Grael será a primeira brasileira a correr a Regata de Volta ao Mundo. A campeã olímpica da classe 49er FX foi anunciada como integrante da equipe holandesa AkzoNobel, que será comandada por Simeon Tienpont (HOL) e terá na tripulação o também brasileiro Joca Signorini.

"Já estou há um bom tempo fora de casa me preparando para esse desafio e agora finalmente vai acontecer. Eu estou muito animada. Espero contar com a torcida de todo mundo e encontrar vocês em Itajaí", disse Martine, referindo-se à parada brasileira da Volvo Ocean Race, prevista para o mês de abril de 2018, na cidade catarinense.

Antes de partir para o maior desafio da sua carreira, a velejadora compete ao lado de Kahena Kunze no Campeonato Mundial de 49erFX no Porto, entre 28 de agosto e 2 de setembro. As brasileiras, que venceram todas as regatas que disputaram em 2017, são as favoritas ao título.

"Eu estou muito feliz pela Martine, ela sempre sonhou fazer a Volvo Ocean Race. Eu tenho uma grande admiração por ela como amiga e agora mais ainda como uma velejadora da Volvo. Desejo muita sorte. Vou acompanhá-la pela internet e estarei aqui, dando a maior força para o que ela precisar", contou Kahena Kunze.

A parceria da dupla será mantida enquanto Martine estiver na Volvo Ocean Race.

"Nas etapas com paradas maiores estamos pensando em aproveitar meu tempo livre para treinar", disse Grael.

"É o timing perfeito para isso porque depois da regata ainda teremos um bom tempo para nos prepararmos para os Jogos de Tóquio 2020. Ela tem que ir com tudo, tenho certeza de que essa jornada será um sucesso", completou Kahena. 

Martine Grael tem treinado a bordo do novo Volvo Ocean 65 da equipe AkzoNobel nas últimas semanas e participará da Leg Zero - uma série obrigatória de quatro regatas preliminares para as sete equipes concorrentes da Volvo Ocean Race antes do início da aventura em 22 de outubro, em Alicante, na Espanha.

A Leg Zero começa nesta quarta-feira, dia 2 de agosto, com um sprint em torno da Ilha de Wight, na Inglaterra, seguido da Rolex Fastnet Race, de 6 a 9 de agosto, e uma prova mais longa de Plymouth, na Inglaterra, para Lisboa, em Portugal. O último percurso terá uma parada de um dia no porto francês de St. Malo.

Brasil na Volvo Ocean Race 

O Brasil teve ao todo oito atletas na Volvo Ocean Race. O primeiro velejador a correr a Volta ao Mundo foi Fernando Peres, integrante do barco La Barca Laboratorio em 1981-82. Dos atletas que participaram do evento, três deles têm o título de campeão. A bordo do Ericson 4, o pai de Martine, Torben Grael, liderou a equipe sueca na conquista de 2008-09 ao lado de Joca Signorini e Horácio Carabelli.

Torben Grael, inclusive, fez história ao comandar o Brasil 1 – até hoje o único veleiro brasileiro na Volvo Ocean Race. O barco ficou em terceiro lugar na edição 2005-06.

A prova terá novamente a cidade de Itajaí (SC) como parada depois de duas edições consecutivas. O evento já parou no Rio de Janeiro (RJ) e São Sebastião (SP). 

O Brasil na História da Volvo Ocean Race

André 'Bochecha' Fonseca 

2005-06 Brasil 1 | 2008-09 Delta Lloyd | 2014-15 MAPFRE 

Fernando Peres 

1981-82 La Barca Laboratorio 

Horácio Carabelli (nascido no Uruguai) 

2005-06 Brasil 1 | 2008-09 Ericsson 4 

Joca Signorini 

2005-06 Brasil 1 | 2008-09 Ericsson 4 | 2011-12 Telefónica | 2017-18 AkzoNobel 

Kiko Pellicano 

2005-06 Brasil 1 

Lucas Brun 

2005-06 ABN AMRO TWO 

Marcelo Ferreira 

2005-06 Brasil 1 

Torben Grael 

1997-98 Innovation Kvaerner | 2005-06 Brasil 1 | 2008-09 Ericsson 4 

Martine Grael 

2017-18 AkzoNobel 

Paradas brasileiras na Volvo Ocean Race: 

1973-74: Rio de Janeiro (RJ)

1977-78: Rio de Janeiro (RJ) 

1997-98: São Sebastião (SP) 

2001-02: Rio de Janeiro (RJ) 

2005-06: Rio de Janeiro (RJ) 

2008-09: Rio de Janeiro (RJ) 

2011-12: Itajaí (SC) 

2014-15: Itajaí (SC) 

2017-18: Itajaí (SC)

SOBRE A CBVELA

 A Confederação Brasileira de Vela (CBVela) é a representante oficial da vela esportiva do país nos âmbitos nacional e internacional. É filiada à Federação Internacional de Vela (World Sailing) e ao Comitê Olímpico do Brasil (COB). Tem o Bradesco como patrocinador oficial, o Grupo Energisa como parceiro oficial e patrocinador oficial da Vela Jovem e a Richards como apoiadora oficial. A vela é a modalidade com o maior número de medalhas de ouro olímpicas na história do esporte do Brasil: sete. Ao todo, os velejadores brasileiros já conquistaram 18 medalhas em Jogos Olímpicos.

Quer saber quais são as notícias mais importantes da Vela? Clique aqui e não perca nenhum detalhe sobre o seu esporte preferido!

Ainda não faz parte de nossa rede?

PATROCINADORES E PARCEIROS
Patrocinador Master Parceiro Oficial Apoiadores Oficiais